Subscribe Us

header ads

Ipirá: Lojistas fazem “buzinaço” em protesto contra medidas restritivas


Foto enviada por App
Diante do cenário de dificuldades e falta de fiscalização no cumprimento das medidas de prevenção da disseminação da covid-19 em Ipirá, na Bacia do Jacuípe do Jacuípe a 208 km de Salvador, lojistas foram as ruas da cidade na noite de terça-feira, 18/5, protestar contra o ‘lockdown’ imposto pelo prefeito Dudy (PSD).

A manifestação, depois de passar pelas principais ruas, avenidas e praças da cidade, seguiu até a prefeitura, local onde os manifestantes pediram a compreensão do prefeito e solicitaram que o comércio pudesse retomar as atividades na segunda-feira, dia 24 de maio. O pedido não foi atendido pelo gestor e os comércios considerados não essenciais só poderão funcionar a partir de terça-feira, 25 de maio.

Entre as medidas adotadas neste novo decreto estão a suspensão de todas as atividades presenciais nas agências bancárias e casas lotéricas da cidade. Os serviços bancários serão ofertados, neste período, apenas por meio do autoatendimento.

Crise administrativa

O governo municipal vive uma séria crise de gerenciamento já que, em apenas 4 meses, metade dos secretários deixou as pastas, e um deles, Thiago Oliveira, já foi a Administração, do Gabinete Civil e agora é das Finanças, mas é considerado o guru da gestão. Ele também foi do secretariado – sem sucesso – nos governos passados dos Macacos .

A primeira secretária de Saúde deixou o cargo, assim como o de Finanças e o da Assistência Social, mulher do prefeito.

Segundo integrantes da própria Macacada (grupo que o elegeu e se sente abandonado), Dudy se aquartelou, não ouve mais ninguém e a cidade está travada em problemas apesar de maior receita este ano em relação a 2020.

Também se percebe deficiências nos Serviços Públicos e na Saúde, segundo os informantes.

Fonte: Ipirá Notícias

Postar um comentário

0 Comentários