Subscribe Us

header ads

Porto Seguro: Comunidade desaparece após cheia de rio provocada por chuvas


Porto Seguro: Comunidade desaparece após cheia de rio provocada por chuvas
Rio Buranhém em Eunápolis / Foto: Reprodução / Radar 64

Uma comunidade ribeirinha em Porto Seguro, na Costa do Descobrimento, ficou encoberta devido ao volume de chuvas recebido no Rio Buranhém. Segundo o TAB UOL, cerca de 300 pessoas que vivem na margem do Rio, sobretudo na chamada Ilha do Macaco, tiveram de deixar suas casas.

 

A situação ficou dramática no último domingo (12). Um dos moradores ouvidos pela reportagem, Edvaldo da Costa, contou que nunca viu o rio subir daquele jeito. Quando percebeu que a água tomava a casa, ele abandonou o imóvel. Junto com a esposa, conseguiu tirar roupas, um colchão, documentos e seis cachorros.

 

Após as chuvas causadas pelo ciclone extratropical que atingiu o extremo sul baiano e o Nordeste de Minas Gerais, todas as pessoas tiveram que deixar as casas. A água subiu em torno de 4 metros em quase 5 horas.

 

Porto Seguro não está entre as cidades mais afetadas pelas chuvas na Bahia. No entanto, como é foz do Rio Buranhém que nasce em Minas Gerais onde ocorreram também fortes chuvas, o estuário teve o volume aumentado, o que afetou a cidade baiana.


Por Bahia Noticias

Postar um comentário

0 Comentários