Subscribe Us

header ads

Líder de Rui diz que pesquisa foi manipulada para agradar a ACM Neto




Foto politica ao vivo/ prefeitura de Salvador

Líder do governo de Rui Costa (PT) na Assembleia Legislativa da Bahia, Rosemberg Pinto (PT) disse que a última pesquisa divulgada sobre intenções de voto no estado, do Instituto Séculos, foi feita para agradar ACM Neto (DEM).


Em seu Twitter, Rosemberg disse que o instituto não testou cenários com os apoios de presidenciáveis e cabos eleitorais como o governador Rui Costa. A crítica foi dirigida ao dono do instituto, Ari Carlos.


“Lamentável meu amigo Aricarlos aceitar manipulação de pesquisa para agradar a Neto. Uma pesquisa tenta o máximo simular o ambiente real. Cadê Lula, Cadê Rui!! Meu professor de Política, Elenaldo, te daria zero! Não pesquisou ou não publicou?”, escreveu o deputado.


Segundo o levantamento do Instituto Séculos, Neto teria 53,7% das intenções de voto, contra 24,87% de Jaques Wagner, 4,66% de João Roma e 0,88% de Bernardete Souza. “Nenhum” pontuou 10,71%, enquanto 5,17% não souberam responder ou não opinaram. O nome de Wagner não é testado ao lado de Lula – em outras pesquisas, ele lidera o cenário quando colocado como o candidato do ex-presidente.


A Séculus entrevistou 2.380 pessoas com 16 anos ou mais, em 87 municípios baianos, entre os dias 27 de novembro de 2021 e 1º de dezembro de 2021. A margem de erro da amostragem é de 3%, para mais ou para menos, com intervalo de confiança registrado em 95%.



Fonte Politica Ao vivo

Postar um comentário

0 Comentários